FATEC (2ºsem) 2006 – Questão 48

Linguagens / Literatura / Realismo e Naturalismo / Realismo / Naturalismo no Brasil
[...]
Acordei aos gritos do coronel, e levantei-me estremunhado. Ele, que parecia delirar, continuou nos mesmos gritos, e acabou por lançar mão da moringa e arremessá-la contra mim. Não tive tempo de desviar-me; a moringa bateu-me na face esquerda, e tal foi a dor que não vi mais nada; atirei-me ao doente, pus-lhe as mãos ao pescoço, lutamos, e esganei-o.
Quando percebi que o doente expirava, recuei aterrado, e dei um grito; mas ninguém me ouviu. Voltei à cama, agitei-o para chamá-lo à vida, era tarde; arrebentara o aneurisma, e o coronel morreu. Passei à sala contígua, e durante duas horas não ousei voltar ao quarto.
[...] 
Antes do alvorecer curei a contusão da face. Só então ousei voltar ao quarto. Recuei duas vezes, mas era preciso e entrei; ainda assim, não cheguei logo à cama. Tremiam-me as pernas, o coração batia-me; cheguei a pensar na fuga; mas era confessar o crime, e, ao contrário, urgia fazer desaparecer os vestígios dele. Fui até a cama; vi o cadáver, com os olhos arregalados e a boca aberta, como deixando passar a eterna palavra dos séculos: “Caim, que fizeste de teu irmão?” Vi no pescoço o sinal das minhas unhas; abotoei alto a camisa e cheguei ao queixo a ponta do lençol. Em seguida, chamei um escravo, disse-lhe que o coronel amanhecera morto; mandei recado ao vigário e ao médico.
A primeira ideia foi retirar-me logo cedo, a pretexto de ter meu irmão doente, e, na verdade, recebera carta dele, alguns dias antes, dizendo-me que se sentia mal. Mas adverti que a retirada imediata poderia fazer despertar suspeitas, e fiquei. Eu mesmo amortalhei o cadáver, com o auxílio de um preto velho e míope.
(Machado de Assis, “O enfermeiro”.)
Considerando o fragmento de “O enfermeiro”, é correto afirmar que, na obra de Machado de Assis,
a) os impulsos doentios e as atitudes criminosas do homem são dois de seus principais temas.
b) os comportamentos humanos são analisados em função das relações sociais.
c) são constantes as referências religiosas e bíblicas, atestando a confiança do homem que obedece à moral cristã.
d) os personagens se conduzem de acordo com as normas éticas universais, mesmo quando infringem as leis dos homens.
e) os negros surgem como personagens secundários, em posição de servos incompetentes, justificandose, assim, a existência do regime escravocrata.
Esta questão recebeu 1 comentário

Veja outras questões semelhantes:

Base dudow 2000 – Questão 28
Como você sabe, os versos recebem nomes de acordo com a quantidade de sílabas métricas que possuem. Alguns desses versos se tornaram tão famosos que receberam apelidos especiais. Assinale a alternativa que completa as lacunas com os apelidos...
UNIFESP port e inglês 2007 – Questão 19
O cortiço, obra naturalista, ...
FATEC (2ºsem) 2009 – Questão 30
O secador de cabelo de Marta funciona com três resistores, de resistências elétricas idênticas, associados em paralelo. Certo dia esses resistores queimaram e Marta, ao substituí-los, colocou indevidamente os novos resistores associados conforme...
FUVEST 2010 – Questão 31
(...) É uma bela moça, mas uma bruta... Não há ali mais poesia, nem mais sensibilidade, nem mesmo mais beleza do que numa linda vaca turina. Merece o seu nome de Ana Vaqueira. Trabalha bem, digere bem, concebe bem. Para isso a fez a Natureza,...
UERJ 2011 – Questão 5
Não me animo a resolver esta questão psicológica, mas creio que ninguém contestará a influência das primeiras impressões. (ref.7) Ao final do texto o autor levanta uma questão, mas diz que não pode resolvê-la. Entretanto, a segunda parte da frase sugere que o autor tem uma resposta. Este é um conhecido processo retórico, pelo qual o autor adota o procedimento indicado em: a) criticar para negar b) negar para afirmar c) duvidar para justificar d) reconhecer para criticar